Tá precisando de óculos?

30 de abr de 2010


0
Essa com certeza é a melhor propaganda de óculos/óticas que já vi. Descubra o que acontece se sua gata não vai ao oftalmologista...

Jogo da Sexta - Bloons


0
O jogo de hoje é o divertido Bloons. Neste jogo, você controla (com o mouse) um macaquinho que atira flechas e deve estourar a quantidade de balões necessárias para passar para próxima fase (são 50, no total). Jogue aqui e divirta-se!

Quanto mais camisinhas...

29 de abr de 2010


0
A marca de camisinhas Manix apresenta o comercial abaixo com o intuito de apresentar seus diversos tipos diferentes de camisinhas e, que com isso, você precisa de mais parceiros sexuais (menos o corno marido, que sempre é o último a saber).

Não julgue precipitadamente...


0
O vídeo abaixo apresenta 5 propagandas muito bacanas da empresa americana Ameriquest (hoje controlada pelo Citigroup). Em todas elas a lição é a mesma: não faça julgamentos precipitados.

Tirinhas da vez (#14)

28 de abr de 2010


0
Eu realmente me divirto bastante preparando as tirinhas para serem publicadas. Além de rir bastante com todas, aprendo algumas expressões em inglês, que não se encontram em dicionários... e claro, sei que acabo trazendo mais um pouco de diversão para os leitores do Leia Primeiro, já que o Tirinhas da Vez será um post fixo por bastante tempo...

Se possuírem mais sugestões de tirinhas, inclusive em outros idiomas, por favor, sugira!


- Marty Bucella

- Mike Marks

- Steve Langille

- Calvin & Haroldo

- Garfield

- Mafalda

- Peanuts (Snoopy)

- Turma da Mônica

- Um Sábado Qualquer...

O gol mais perdido do mundo

27 de abr de 2010


0
Mais um lance bizarro do futebol... no jogo da liga de futebol americana, contra o Los Angeles Galaxy, Kei Kamara, do Kansas City Wizards, escorrega em cima da linha e desperdiça chance incrível. O gol mais perdido do mundo (reparem aos 42 segundos...).

Leia! - O Pequeno Príncipe


0
O Pequeno Príncipe é o livro de maior sucesso de Antoine-Jean-Baptiste-Marie-Roger Foscolombe de Saint-Exupéry. A história, narrada pelo autor com linguagem de fácil entendimento, apesar de parecer simples, contém os pensamentos filosóficos do autor e é rodeada de personagens simbólicos, entre eles o rei, a raposa, o geômetra, a rosa, a serpente...

Na história, o pequeno príncipe vivia sozinho em um pequeno planeta que possuia dois vulcões ativos e um extinto. Ali vivia também uma orgulhosa rosa que o inquietou e o levou a fazer uma viagem pelo mundo. Essa viagem o trouxe a Terra. O pequeno príncipe conheceu então a Raposa e, a partir daí comecou a entender a importância do amor, amizade e companheirismo na vida. Assim, o personagem principal vai descobrindo profundamente grandes ensinamentos.

Embora muitas pessoas pensam que foi escrito especialmente para crianças, o livro é uma obra com conotações profundas e trás a tona (aos adultos) uma reflexão dos valores que realmente são importantes na vida.

Você com certeza se apaixonará pelo livro e, mesmo se já o conhece, vale a pena lê-lo novamente. Muito se diz que deve-se ler o livro 3 vezes na vida: uma quando criança, depois quando adolescente e mais tarde, quando adulto.

O autor, nascido em 29 de junho de 1900, em Lyon, acha que os adultos são incapazes de entender o real sentido da vida, pois deixaram de ser crianças.

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos".

Boa leitura!

Compare preços do livro aqui.

Melhor escanteio da história

26 de abr de 2010


10
Aqui no Leia Primeiro já publicamos O pior escanteio da história, do time do Joinville. Agora, pra compensar, publicamos esse vídeo abaixo com uma cobrança muito curiosa, porém muito eficiente. Não tenho os dados da partida, só sei que em um jogo do Manchester United houve uma cobrança bem parecida...

Como "pescar" um homem


0
Propaganda muito bacana da cerveja Bud Light, mostra que para "pescar" um homem, só é necessária a isca certa...



Confira mais propagandas engraçadas clicando aqui.

Leia links da semana (#5)

25 de abr de 2010


0

Livro do Seu Madruga

24 de abr de 2010


0
A editora Mirabolante lançará o livro Seu Madruga - Vila e Obra, que conterá informações engraçadas sobre o personagem Seu Madruga, criado por Roberto Gómez Bolaños. Relembre algumas de suas filosofias:

"A vingança nunca é plena: mata a alma e a envenena."

"Devemos perdoar as ofensas... devemos perdoar as afrontas... devemos perdoar os aluguéis atrasados."

"Quando a fome aperta, a vergonha afrouxa."

"O burro empaca perto do trigo..."

"Não há nada mais trabalhoso do que viver sem trabalhar."

"Não existe trabalho ruim. O ruim é ter que trabalhar."

"As dívidas são sagradas."

"Não há nada como dever."

"Sou pobre, porém honrado."

"Eu sempre deixo as vagas de empregos para os mais jovens, e venho tomando essa nobre atitude desde os meus 15 anos!"

"Deu tudo certo, tirando o errado... bem próximo do péssimo!"

"Se eu soubesse que tinha mandado um burro fazer isso, ia eu mesmo."

E, para terminar: "Puxa, repuxa, recontrapuxa".

Pra mim, o seu Madruga e o Quico eram os mais engraçados do Chaves, não acha?

Gol duplo de bicicleta


1
No campeonato argentino, no jogo entre Gimnasia La Plata e Boca Juniors, Sebastian Romero e Marco Perez fizeram juntos um gol de bicicleta. Confira!



Qual nome você dá pra jogada??

Jogo da Sexta - Particles

23 de abr de 2010


0
O Jogo de hoje se chama Particles. Nele, você controla com o mouse a bolinha azul, e simplesmente não pode deixar que as vermelhas te acertem. O jogo começa com 3 destas, aumentando a medida que o jogo passa. Boa sorte (cheguei a 7 bolinhas vermelhas)! Jogue aqui.

Beleza sem cérebro

21 de abr de 2010


3
Propaganda da Mercedes demonstra, em uma biblioteca, que beleza não é nada sem um cérebro...

Tirinhas da vez (#13)


0
Aqui na Europa o transporte público é realmente muito eficiente. Além de um completo sistema de ônibus, existem muito mais trens interligando cidades, estados e países do que ônibus fazendo esse tipo de transporte no Brasil. Além disso, uma coisa muito útil que não existe em Florianópolis (onde eu morava) é um nome nas paradas de ônibus.

Daí você pode me perguntar pra quê? Bem, aqui, sabendo o nome da parada de ônibus mais perto de qualquer lugar da Alemanha, por exemplo, eu acesso a internet e consigo saber os horários e conexões que devo fazer para chegar ao meu destino; da parada mais próxima da minha casa até meu destino. Mesmo que você deva alternar, entre ônibus e trens. Daí eu não entendo como que essa ótima idéia não chegou no Brasil... as únicas idéias de fora que chegam no Brasil é o BBB ou A Fazenda ou o Show do Milhão...

Chega de papo e vamos às Tirinhas da Vez número 13 (número da sorte):

- Marty Bucella

- Mike Marks

- Steve Langille

- Calvin & Haroldo

- Garfield

- Mafalda

- Peanuts (Snoopy)

- Turma da Mônica

- Um Sábado Qualquer...

Crianças e a esteira


0
O que acontece quando duas crianças decidem brincar numa esteira?? E quando uma delas é um pouco gordinha?? Assista ao vídeo abaixo e confira!

Maiores palavras do mundo

20 de abr de 2010


4
Estava preparando um post a respeito das maiores palavras do mundo em cada idioma. Principalmente para contar que a maior palavra em alemão é

Donaudampfschifffahrtsgesellschaftkapitänskajütentürschlüsselanhänger,

que, significa chaveiro da chave da porta da cabine do capitão da Companhia de Navegação a Vapor do Danúbio.


Mas daí descobri que neste link a Wikipedia possui um tópico sobre o assunto :(

Mesmo assim, sem tirar o mérito da Wikipedia, publico-as abaixo:

Leia! - Clarissa


0
Clarissa é o primeiro romance do escritor Érico Veríssimo e foi publicado em 1933. A obra é baseada na história de vida de Clarissa, uma garota de 13 anos que mora na pensão de sua tia Eufrasina, na cidade de Porto Alegre.

Lá a jovem observa a todos os que moram na pensão e na vizinhança e faz descobertas em realidades que ela, na sua inocência juvenil, nem imaginava que existissem: a infidelidade de Ondina, uma viúva pobre com seu filho mutilado, a família rica que mora ao lado e que contrasta com a pobreza da viúva, as discussões políticas de Levinsky, entre outras.

O livro é interessante e apresenta um panorama da vida da jovem em 1932. A personagem aparece ainda em mais três romances do autor: Caminhos Cruzados, Música ao longe e Um lugar ao sol. Clarissa é, também, o nome da primeira filha do autor, nascida em 1935.

Érico Lopes Veríssimo nasceu em Cruz Alta, no noroeste do estado do Rio Grande do Sul, no dia 17 de dezembro de 1905.

Boa leitura!

Compare preços do livro aqui.

Aprenda inglês, senão...

18 de abr de 2010


3
Este antigo vídeo de uma propaganda de uma escola de inglês mostra, numa situação de dia-a-dia, o porquê de ser tão importante aprender inglês...



Confira mais propagandas engraçadas clicando aqui.

Leia links da semana (#4)


0

Racismo

17 de abr de 2010


2
Temos visto muita coisa rondando o tema racismo, depois do jogador Danilo, do Palmeiras, chamar um negro de macaco em um jogo de futebol.

Minha superficial opinião, é que alguém que chama um negro de macaco, ou que chama um gordo de elefante, ou que chama homossexuais de viado deveriam ser tratados do mesmo jeito. Vai dizer que você não ri de piadas que envolvem um desses casos? Mas enfim, essa é uma discussão praticamente sem fim...

Mas a melhor opinião que li a respeito, foi de Danilo Gentili, num texto que ele publicou ano passado (old porém muito gold).

"Se você me disser que é da raça negra preciso dizer que você tambem é racista, pois, assim como os criadores de cachorros, acredita que somos separados por raças. E se acredita nisso vai ter que confessar que uma raça é melhor ou pior que a outra. Pois se todas raças são iguais então a divisão por raça é estúpida e desnecessária. Pra que perder tempo separando algo se no fundo dá tudo no mesmo?

Quem propagou a idéia que "negro" é uma raça foram os escravistas. Eles usaram isso como desculpa para vender os pretos como escravos: "Podemos trata-los como animais, afinal eles são de uma outra raça que não é a nossa. Eles são da raça negra". Então quando vejo um cara dizendo que tem orgulho em ser da raça negra eu juro que nem me passa pela cabeça chama-lo de macaco. E sim de burro.

Falando em burro, cresci ouvindo que eu sou uma girafa. E também cresci chamando um dos meus melhores amigos de elefante. Já ouvi muita gente chamar loira caucasiana de burra, gay de v***** e ruivo de salsicha, que nada mais é do que ser chamado de restos de porco e boi misturados.

Mas se alguém chama um preto de macaco é crucificado. E isso pra mim não faz sentido. Qual o preconceito com o macaco? Imagina no zoológico como o macaco não deve se sentir triste quando ouve os outros animais comentando:
- O macaco é o pior de todos. Quando um humano se xinga de burro ou elefante dão risada. Mas quando xingam de macaco vão presos. Ser macaco é uma coisa terrível. Graças a Deus não somos macacos.

Prefiro ser chamado de macaco do que de girafa. Peça para um cientista fazer um teste de Q.I. com uma girafa e com um macaco. Veja quem tira a maior nota.

Quando queremos muito ofender e atacar alguém, por motivos desconhecidos, não xingamos diretamente a pessoa e sim a mãe dela. Posso afirmar aqui então que Darwin foi o maior racista da história por dizer que eu vim do macaco?

Se o assunto é cor eu defendo a idéia que o mundo é uma caixa de lápis coloridos. Somos os lápis dessa caixa. Um lápis é menos lápis que o outro só porque a cor é diferente? Eu desenho desde criança, então acredite em mim: Não mesmo. Todas essas cores são de igual importância. Ok. Ok. Foi uma comparação idiota. Confesso. Os lápis são todos do mesmo tamanho na caixa. E no mundo real o lápis preto é bem maior que o amarelo.

Mas o que quero dizer é que na verdade não sei qual o problema em chamar um preto de preto. Esse é o nome da cor não é? Eu sou um ser humano da cor branca. O japonês da cor amarela. O índio da cor vermelha. O africano da cor preta. Se querem igualdade deveriam assumir o termo "preto" pois esse é o nome da cor. Não fica destoante isso: "Branco, Amarelo, Vermelho, Negro"?. O Darth Vader pra mim é negro. Mas o Bill Cosby, Richard Pryor e Eddie Murphy que inspiram meu trabalho não. Mas se gostam tanto assim do termo negro, ok, eu uso, não vejo problemas. No fim das contas é só uma palavra. E embora o dicionário seja um dos livros mais vendidos do mundo, penso que palavras não definem muitas coisas e sim atitudes.

Digo isso porque a patrulha do politicamente correto é tão imbecil e superficial que tenho absoluta certeza que serei censurado se um dia escutarem eu dizer: "E aí seu PRETO, senta aqui e toma uma comigo!". Porém, se eu usar o tom correto e a postura certa ao dizer "Desculpe meu querido, mas já que é um afro-descendente é melhor evitar sentar aqui. Mas eu arrumo uma outra mesa muito mais bonita pra você!" sei que receberei elogios dessas mesmas pessoas, afinal eu usei os termos politicamentes corretos e não a palavra "preto" ou "macaco", que são palavras tão horríveis.

Os politicamentes corretos acham que são como o Superman, o cara dotado de dons superiores, que vai defender os fracos, oprimidos e impotentes. E acredite. Isso é racismo, pois transmite a idéia de superioridade que essas pessoas sentem de si em relação aos seus "defendidos".

Agora peço que não sejam racistas comigo por favor. Nao é só porque eu sou branco que eu escravizei um preto. Eu juro que nunca fiz nada parecido com isso nem mesmo em pensamento. Não tenham esse preconceito comigo. Na verdade sou ítalo-descente. Italianos não escravizaram africanos no Brasil. Vieram pra cá e assim como os pretos trabalharam na lavoura. A diferença é que Escrava Isaura fez mais sucesso que Terra Nostra.

Ok. O que acabei de dizer foi uma piada de mal gosto porque eu não disse nela como os pretos sofreram mais que os italianos. Ok. Eu sei que os negros sofreram mais que qualquer raça no Brasil. Foram chicoteados. Torturados. Foi algo tão desumano que só um ser humano seria capaz de fazer igual. Brancos caçaram negros como animais. Mas também os compraram de outros negros. Sim. Ser dono de escravo nunca foi privilégio caucasiano e sim da sociedade dominante. Na África, uma tribo vencedora escravizava a outra e as vendia para os brancos sujos.

Lembra que eu disse que era ítalo-descendente? Então. Os italianos podem nunca terem escravizados os pretos, mas os romanos escravizaram os judeus. E eles já se vingaram de mim com juros e correção monetária, pois já fui escravo durante anos de um carnê das Casas Bahia.

Se é engraçado piada de gay e gordo, porque não é a de preto? Porque foram escravos no passado hoje são café-com-leite no mundo do humor? É isso? Eu posso fazer a piada com gay só porque seus ancestrais nunca foram escravos? Pense bem, talvez o gay na infância também tenha sofrido abusos de alguém mais velho com o chicote.

Se você acha que vai impor respeito me obrigando a usar o termo "negro" ou "afro-descendente", tudo bem, eu posso fazer isso só pra agradar. Na minha cabeça você será apenas preto e eu branco, da mesma raça, a raça humana. E você nunca me verá por aí com uma camiseta escrita "100% humano", pois não tenho orgulho nenhum de ser dessa raça que discute coisas idiotas de uma forma superficial e discrimina o próprio irmão."



E qual sua opinião sobre esse assunto?

Irmão mais novo sempre sofre


4
Até no reino animal o irmão mais novo se dá mal...

Jogo da Sexta - Parking Perfection

16 de abr de 2010


0
Parking Perfection é um dos jogos da série onde você precisa estacionar seu carro sem encostar nos outros. Divirta-se e jogue aqui.

Vulcão na Europa


0
Todos devem estar sabendo a respeito do vulcão na Islândia, que causou o fechamento de vários aeroportos e cancelamento de vários vôos na Europa. Se ainda não leu, leia aqui. Você pode conferir fotos do vulcão aqui.

Você também deve se lembrar de um nosso post da semana passada, onde sugeríamos alguns sites (veja aqui).

Pois bem, um desses sites é o www.radarvirtuel.com, que mostra em tempo real o tráfego aéreo mundial. Eu tinha algumas dúvidas se realmente o site mostrava os dados em tempo real. Depois dessa imagem, não tenho mais (clique na imagem para ampliar):


Veja que acima da França, não há aviões voando, exatamente por conta do vulcão.

Atualização: Se você entrar no site agora, você verá inclusive uma animação contendo as cinzas do vulcão.

Hotel dará refeição a hóspede que pedalar para gerar energia


0
Um hotel na Dinamarca anunciou nesta quinta-feira que passará a oferecer uma refeição grátis a hóspedes que produzirem eletricidade por meio de uma bicicleta ligada a um gerador. O Crowne Plaza de Copenhague está instalando duas destas bicicletas e diz que o objetivo é, ao mesmo tempo em que promove a forma física dos hóspedes, reduzir suas "pegadas de carbono" (quantidade de dióxido de carbono que produzem como resultado direto ou indireto de uma atividade).

Hóspedes vão precisar produzir pelo menos 10 MWh de eletricidade, o equivalente a 15 minutos de pedalada de uma pessoa medianamente em forma para ter direito à refeição. A administração afirma que isso será o suficiente para acender apenas poucas lâmpadas, mas a ideia principal é incentivar o debate sobre o consumo de energia. O hotel já produz energia renovável com 2500 m² de painéis solares.

A Dinamarca possui uma das capitais do mundo mais adaptadas ao ciclismo; a capital, Copenhague, possui 350 km de ciclovias e, assim, 37% da população utiliza a bicicleta como principal meio de transporte. Além disso o país investe bastante em energias renováveis, incluindo fazendas eólicas, que geram um quinto da eletricidade que o país consome.

Em parceria com o Tecnologia Green.

Fonte: Terra.

Quer ficar rico facilmente?

15 de abr de 2010


3
Família lucra mais de US$ 100 mil com vídeo de menino anestesiado. O Pai filmou o pequeno David, de 7 anos, após primeira consulta ao dentista. Sucesso no YouTube, vídeo já foi visto mais de 56 milhões de vezes. Em média, vídeo possui mais de 100 mil novos acessos diários.


Não assistiu ainda? Confira!


Ou seja, dê drogas para seus filhos e filme!
Fonte: G1

Nunca sacaneie Chuck Norris


1
Essa antiga propaganda do refrigerante Mountain Dew (da mesma rede da Pepsi) brinca com o mito Chuck Norris. Nela, dois rapazes fazem um vídeo zoando Chuck e postam no Youtube. Veja o que acontece...



Confira mais propagandas engraçadas clicando aqui.

Ao pé da letra

14 de abr de 2010


0
Confira essa incrível e bacana coleção de fotos levando frases do dia-a-dia (e outras mais) ao pé da letra.
 










Tirinhas da vez (#12)


1
Semana passada conheci o famoso Palácio de Versalhes (em francês Château de Versailles). Com seus 700 quartos, seu parque gigante e muito ouro, é realmente muito imponente.

Daí penso, onde o povo daquela época estava com a cabeça: eles pagavam taxas altíssimas para o rei gastar o dinheiro desse jeito e, com certeza, nem todos viviam muito bem para não haver prioridades nos gastos públicos...

Mas daí repenso e vejo os noticiários que falam dos nossos políticos, e mostrando onde vai nosso dinheiro... é exatamente a mesma coisa... não encontraram um político que possuía um castelo?

Vamos às Tirinhas da Vez:

- Marty Bucella

- Steve Langille

- Calvin & Haroldo

- Garfield

- Mafalda

- Peanuts (Snoopy)

- Turma da Mônica

- Um Sábado Qualquer...

Leia! - A casa dos espíritos

13 de abr de 2010


0
A casa dos espíritos é o primeiro romance escrito pela chilena Isabel Allende e teve sua primeira edição em 1982. O livro relata 3 gerações de uma família, durante o século XX, acompanhando a evolução social e política no Chile.

A escritora baseou-se na história de sua própria família e adicionou acontecimentos e personagens fictícios à trama. Na história aparecem três personagens marcantes: Clara, a "clarividente", sua filha Blanca e a neta Alba.

Clara tem dons telepáticos, consegue ler a sorte e prever o futuro. Depois da morte de sua irmã, Rosa, ela fica muda durante 9 anos e só quebra o silêncio para anunciar seu casamento. Clara casa-se então com Esteban Trueba, o antigo noivo de Rosa, que ela mesma previu que seria seu marido futuramente.

O casal se muda então para uma bela "casa grande da esquina" e lá eles têm uma filha, Blanca, que, para fúria de seu pai, manterá uma relação com o filho de seu capataz.

Alba, a terceira geração da família Trueba, é uma criança mimada e educada por todos e também apresentará um dom sobrenatural, bem como sua avó Clara. As três fortes protagonistas enfrentam diversos dramas familiares e turbulências dos acontecimentos da época.

Isabel Allende é vista como uma das principais revelações da literatura latino-americana da década de 1980 e "A casa dos espíritos" rendeu-lhe reconhecimento de público e crítica. Boa leitura!

Compare preços do livro aqui.

Notícias que não gostamos de saber

12 de abr de 2010


0

Por 8 a 5, STJ decide pela liberdade de ex-governador do Distrito Federal











Até que demorou um pouquinho para soltarem ele...

Como será o futebol em 2020?


3
A Champions, revista oficial da Liga dos Campeões, fez esta pergunta a diversos profissionais respeitados, nas mais variadas especialidades que cercam o futebol.

Veja algumas das respostas e pense você também. Qual é a grande idéia? O que pode acontecer com o futebol até 2020?

Andrés Iniesta – Os jogadores vão ficar mais fortes, maiores e mais rápidos. Mas o talento individual ainda vai prevalecer. Hoje, por exemplo, Cristiano Ronaldo é fisicamente superior à maioria. No futuro mais jogadores terão condições semelhantes às dele. Mas para talentos como Xavi, o aspecto físico é – e continuará sendo – menos importante.

Louis Van Gaal – Ainda há muito a ser desenvolvido no aspecto mental do futebol. Preparação mental, visualização e imaginação são terrenos com grande potencial para evoluirmos.

Henry Winter (redator do Daily Telegraph) – O torcedor vai se relacionar mais com o seu clube através do telefone celular. Isso pode acontecer de diversas maneiras: compra de produtos, noticiário, debates, assistindo a partidas… Ah, e que tal os ingleses aprenderem a bater pênaltis?

Radomir Antic (técnico que levou a Sérvia à Copa 2010) – “Pedidos de tempo” (como no basquete ou vôlei) deverão ser criados. Além disso é preciso estabelecer cotas de jogadores nacionais nos clubes. O futebol é um jogo global, mas o que vemos hoje é um exagero. No jogo recente entre Arsenal e Portsmouth não havia um só inglês em campo. Na Liga da França há quase mais africanos que franceses. Até a Espanha olha antes para a América Latina que para a sua prórpria casa. Eu também gostaria que as empresas de apostas estivessem menos envolvidas no futebol.

David Villa – A tecnologia pode ser usada para mais acertos na arbitragem e para evitar muitos problemas. De todo modo, o importante é que os jogadores acreditem na ética e em seguir as regras do jogo. Eu espero que isso evolua.

Vladimir Smicer (campeão da Liga em 2005 pelo Liverpool) – O futebol não vai resistir à tecnologia para resolver dúvidas sobre gols, pênaltis e impedimentos. Não vejo qualquer problema no quarto árbitro usar os recursos de vídeo.

Kaká – A violência deve ser banida dos estádios. Eu gostaria de ver mais famílias, mais crianças, mulheres e idosos nos estádios. Mas a violência não permite isso.

Guillem Balagué (redator do diário Ás) - O futebol inglês adotou o estilo latino (abandonando finalmente a idéia de que um futebolista deveria ter o tipo físico de um jogador de rugby). Em dez anos um time inglês terá estilo ainda mais parecido com o do Barcelona. Então as outras ligas também vão ter que se desenvolver fisicamente, tecnicamente e taticamente para compensar.

Dagmar Dankova (árbritra da final feminina nas Olimpíadas) – Uso de vídeo. Mas só para determinar lances de gol. Não para checar impedimentos ou expulsões. Isso atrasaria demais o jogo.

Phillipe Auclair (biógrafo de Eric Cantona) – As dívidas dos clubes italianos, ingleses e espanhóis vão trazer problemas sérios e a Bundesliga – a liga mais lucrativa e bem administrada do mundo – vai se tornar a mais forte. Os clubes alemães vão dominar as competições européias.

E você, o que acha? Como será o futebol em 2020?

Fonte: Expresso da Bola